Perfume HOT WATER de DAVIDOFF escaldante e envolvente

By

A maioria das pessoas não quer que o Verão acabe, nem os intermináveis dias de praia, mas a realidade é que  a verdade é que acabou, mas para compensar isso temos as novidades perfumadas do fim do Verão. Um excelente exemplo disso é a fragrância escaldante HOT WATER de DAVIDOFF, que arrisco a dizer que é uma excelente proposta masculina para se preparar para o Outono/Inverno, com intensidade e subtil magnetismo. A marca Davidoff já nos habituou a águas de colónia bem perfumadas. Podemos dizer que HOT WATER não fica atrás. Uma atitude vibrante, quente e altamente erótica. Um perfume marcado pela perfeita composição que se adapta ao corpo e se confunde com uma personalidade sensual, apaixonada e envolvente. A perfumista que assina esta fragrância é a Domitille Bertier, também criadora de perfumes como Flower Bomb (Viktor&Rolf), Mirroir des Secrets (Thierry Mugler), Liberté (Cacharel), The Beat for men (Burberry) em conjunto com Olivier Polge, que é o criador do extraordinário Dior Homme, apresentam-nos esta composição olfactiva inspirada nos aromas e referências das suas infâncias.

perfume HOT WATER de DAVIDOFFNeste perfume Temos de Domitille as referências quentes e vulcânicas, em Vanuatu, muito fiel à pureza e identidade das matérias fortes e reconhecíveis. Já de parte de Olivier, da descoberta e fascínio pela multiplicidade das amostras aromáticas que coleccionava e guardava nas gavetas cheias de uma cómoda que tinha no seu quarto. Por esse motivo, os ingredientes usados acompanham as suas memórias e ambição, com um pouco de exotismo e muita personalidade. Quanto à descoberta desta nova proposta de Davidoff, imagine o resultado depois das próximas linhas… O primeiro contacto é potente. Um conjunto de manjericão vermelho, absinto e limão dão-lhe força, frescura, tornando-o viciante. Continuamos a senti-lo e a pimenta da Jamaica, a cumarina e uma canela ligeiras tornam-no escaldante e aromático, reforçando a frescura inicial do manjericão. Aparentemente adocicada, rapidamente se percebe a distintividade das matérias e o território que ocupam, dando espaço entre si, respeitando a identidade de cada matéria. No final, uma base extraordinária e muito masculina, dão corpo e exotismo pela presença do Benjoim, uma matéria rica, densa e que fecha esta composição com segurança e determinação. Se pretende um novo perfume para esquecer o verão e se preparar com atitude o Outono, tenho a certeza que não se arrependerá de conhecer HOT WATER, a partir de Setembro.

You may also like